Diário de Uberlândia – Coluna Mundo Tech – Novidades apresentadas pela Apple na WWDC 2020 – 27/06/2020

Olá pessoal,

Na coluna Mundo Tech publicada no dia 27/06 no Jornal Diário de Uberlândia, eu escrevi sobre as Novidades apresentadas pela Apple no evento WWDC 2020.

Até a próxima!

Diário de Uberlândia – Coluna Mundo Tech – Apps maliciosos para Android da Play Store – 20/06/2020

Olá pessoal,

Na Coluna Mundo Tech publicada no dia 20/06/2020 no Jornal Diário de Uberlândia, eu escrevi sobre aplicativos para celulares com sistema Android, que foram considerados como maliciosos pela Google e removidos da Play Store.

Até a próxima!

Ambiente legado – Definindo frequência de sincronismo no Dir-Sync entre AD On-premise com Office 365

Olá pessoal,

eu sempre venho comentando que devemos olhar para ambientes novos com as metodologias ágeis, as clouds e os microserviços, mas sem esquecer os ambientes legados. A quantidade de empresas com ambientes baseados em servidores com Windows Server 2008/2008R2 é enorme. A dica de hoje vai para quem tem Office 365 e faz o sincronismo de diretório com o Active Directory da sua empresa utilizando a ferramenta Windows Azure Active Directory Sync tool, também conhecida como DirSync.

Por padrão, o sincronismo ocorre a cada 3 horas. No caso de ambientes com muitas alterações de usuários e senhas esse tempo pode não ser o adequado.

Podemos mudar essa frequência de sincronização editando o valor “SyncTimeInterval” no arquivo Microsoft.Online.DirSync.Scheduler.exe.Config que fica no diretório C:\Program Files\Windows Azure Active Directory Sync

Por padrão o valor vem “SyncTimeInterval” value=”3:0:0″ que corresponde a 3 horas. Se você quiser mudar, por exemplo para 1 hora, altere o valor para “1:0:0”

Caso queira para 40 minutos defina o valor para “0:40:0”

Feito isso salve o arquivo e reinicie o serviço Windows Azure Active Directory Sync Service para isso abra um prompt de comando (cmd) e execute:

net stop MSOnlineSyncScheduler

net start MSOnlineSyncScheduler

Até a próxima!

VMWare ESXi – Deletando snapshots via PowerCli

Olá pessoal,

dica rápida para listar snapshots de máquinas virtuais em ambientes com Vmware ESXi e posteriormente deletar esses mesmos snapshots via PowerCli.

Em primeiro lugar, obviamente execute o PowerCli e com as devidas credenciais faça a conexão ao vCenter ou ao host ESXi em que faremos as operações. Em seguida execute os comandos abaixo:

Para listar os snapshots existentes:
get-vm | get-snapshot | format-list

Para deletar todo os snapshots: get-vm | get-snapshot | Remove-Snapshot -Confirm:$false

Dependendo do cenário pode ser interessante agendar uma tarefa para rodar esse comando para deletar todos os snapshots antes do backup ser executado.

Até a próxima!

Vem ai o Veeam Live Online em 20/10

Olá pessoal,

No próximo dia 20 de Outubro a Veeam vai promover o evento online Veeam LIVE! que tem como foco abordar as melhores práticas para gerenciamento de dados na Cloud. Os participantes terão uma grande oportunidade para definir a estratégia mais adequada para o cenário de dados em nuvem para a sua empresa.

Teremos sessões do tipo “how-to”, muitas demonstrações e também Perguntas e respostas (Q&As) com usuários finais, empresas e Veeam experts.

Para saber mais sobre acesse a FAQ do evento.

Faça sua inscrição em https://www.veeamlive.com/

Eu já fiz a minha e você?

Nos vemos no evento!

Citação de post do blog em newsletter da Fortinet para parceiros

Newsletter para parceiros da Fortinet

O post “Ativando o DDNS para acesso externo à empresa utilizando link com ip dinâmico” que eu publiquei semana passada no meu blog foi indicado pela Fortinet na sessão Boa Leitura da sua newsletter enviada aos seus parceiros.
Agradeço à Fortinet pela citação e ao TD Matias, Security plus, ISFS, NSE4 por ter me avisado da publicação.

Compartilhar conhecimento, trocar informações, aprender e ensinar é o melhor caminho, sem dúvida alguma. O resultado virá naturalmente, podem ter certeza.

Vamos em frente! Até a próxima!

Veeam Backup and Replication – Comandos úteis para manuseio de jobs

Olá pessoal,

Eu vou listar abaixo para vocês comandos que eu considero bastante úteis para as principais tarefas relacionadas ao manuseio e suporte em jobs de backup criados no Veeam Backup. Esses comandos valem para tanto para a versão 9.5 quanto para a versão 10 do VBR.

Para rodar os comandos abaixo no servidor onde o Veeam Backup and Replication está instalado, vamos abrir o Veeam PowerShell clicando no Menu – Console – PowerShell conforme a imagem abaixo e em seguida segue a listagem dos comandos. Basta copiar e mudar substituindo o nome do job de backup pelo seu.

Acessando o PowerShell via Console do Veeam Backup

Listar Jobs existentes no Veeam Backup
Get-VBRJob

Iniciar Job
Get-VBRJob -Name “NOME_DO_JOB” | Start-VBRJob

Parar Job
Get-VBRJob -Name “NOME_DO_JOB” | Stop-VBRJob

Desabilitar Job
Get-VBRJob -Name “NOME_DO_JOB” | Disable-VBRJob

Habilitar Job
Get-VBRJob -Name “NOME_DO_JOB” | Enable-VBRJob

Copiar Job
Get-VBRJob -Name “NOME_DO_JOB” | Copy-VBRJob

Remover Job
Get-VBRJob -Name “NOME_DO_JOB” | Remove-VBRJob

Até a próxima!

Túnel do tempo – Programa ACP (ASUS Certified Professional)

Olá pessoal,

Essa é direto do túnel do tempo…

Em 2006 e 2007 a Asus, reconhecida globalmente como uma das maiores fabricantes de hardware, promoveu aqui no Brasil um Road Show que passou por diversas capitais com o intuito de demonstrar todas as novidades, lançamentos e tecnologias da época. Enfim, nós de TI estamos todos acostumados com esse tipo de evento. Certo? Errado, não se tratava de um evento comum. Aqueles que participassem das apresentações podiam, no final do evento, fazer de forma facultativa um exame de certificação, focado em hardware para profissionais técnicos e revendas, sem qualquer custo e com conteúdo focado no que foi abordado durante o próprio RoadShow.

Os aprovados neste exame, que era feito em prova em papel mesmo, recebiam o título de ACP – ASUS Certified Professional. As provas eram corrigidas posteriormente e quem obtivesse sucesso recebia a carteira em casa. Segundo a Asus, mais de 1000 profissionais se certificaram.

Enfim, uma iniciativa interessante da ASUS, diretamente do túnel do tempo…

Até a próxima!

Diário de Uberlândia – Coluna Mundo Tech – Sony divulga as primeiras imagens e jogos do Playstation 5 – 13/06/2020

Olá pessoal,

Na coluna Mundo Tech publicada no dia 13/06 no Jornal Diário de Uberlândia, eu escrevi sobre informações a respeito do Playstation V que foram disponibilizadas em conferência online realizada pela Sony.

Até a próxima!

Fortigate – Ativando o DDNS para acesso externo à empresa utilizando link com ip dinâmico

Olá pessoal,

Caso a sua empresa possua um Firewall Fortigate, um link de internet com ip dinâmico e você precisa configurar, por exemplo, o acesso à empresa via VPN para os colaboradores e clientes, você pode configurar a interface referente à este link para utilizar um serviço de DNS dinâmico, assim, através de um endereço fqdn e não um endereço ip você pode configurar e disponibilizar o acesso VPN para quem for necessário. Caso a empresa possua assinatura do serviço FortiGuard da Fortinet, você pode utiliza-lo como DDNS, caso contrário você pode usar outro serviço, como o no-ip.

Topologia DDNS

Para configurar o FortiGuard DDNS na interface de gerência do Firewall, clique em Network – DNS e em Use Fortiguard Servers. Em seguida atice a opção FortiGuard DDNS, selecione a interface de rede wan com ip dinâmico e defina o nome que você quer utilizar em Unique Location (no exemplo abaixo, inventit.fortiddns.com). Será verificada a disponibilidade deste nome e em seguida clique em Apply para finalizar a configuração.

Configuração do FortiGuard DDNS no Fortigate 90E

Pronto, agora o acesso remoto à empresa poderá ser feito utilizando endereço DNS associado ao ip dinâmico do link da sua operadora de internet.

Até a próxima!