Entrevista Gamer con Tuberviejuner

En esta entrevista hablé con “Tuberviejuner”, quien tiene un canal de youtube fantástico sobre retrocomputación y retrojuegos. Así que conozcamos y apreciemos un poco más sobre el trabajo de Tuber.

Bio

Nací en Barcelona (España) en 1975, desde pequeño siempre me gustó desmontarlo todo e investigar, es por esto que después de estudiar EGB, estudié 5 años de formación profesional de Electrónica (FP2), después me pasé a la informática y acabé un ciclo de grado superior de Administración de sistemas informáticos (2 años), fue cuando comencé a trabajar en informática en 1996, posteriormente inicie Ingeniería informática pero todavía no he acabado.

1 ¿Cómo surgió su interés por las computadoras y cómo comenzó a trabajar con la informática?

Todo comenzó jugando con mi Atari ST, después tuve pc y siempre existían problemas para cargar juegos (config.sys, autoexec.bat) y ahí comencé a interesarme técnicamente en los pc, para mejorarlos, cambiar piezas, arreglar problemas para que funcionaran los juegos en DOS.

2 – Cuéntanos un poco sobre tu trabajo actual.

Soy responsable de sistemas de una infraestructura de 500 servidores, 30.000 buzones de correo, muchos servicios web y más cosas. Gestiono un equipo de 6 personas que se encargan de la administración de esa infraestructura , tocando tecnología Microsoft, Linux y VMWARE, además soy el referente técnico del equipo, y gestiono los proyectos que recaen en el área y soy service manager del servicio que gestiono (estoy contratado por una empresa de servicios para llevar la infraestructura de un cliente final).

3 – ¿Tiene alguna certificación en TI? ¿Cuáles son sus especialidades?

Si trabajas en TI al final tienes que estar certificado para avalar tu conocimiento, llevo desde el año 99 sacándome certificaciones de Microsoft:

MCSE Windows NT 4.0

MCSE Windows 2003

MCITP Enterprise Administrator on Windows Server 2008

MCTS: Microsoft SQL Server 2008, Implementation and Maintenance

MCITP Enterprise Administrator

MCSA: Windows 2008

MCITP Enterprise Messaging Administrator on Exchange 2007

MCITP Enterprise Messaging Administrator on Exchange 2010

MCSE: Windows 2012 server infrastructure

MCSE: Messaging on Exchange 2013

Además tengo alguna certificación en management:

PMP Certified®

Itil Foundations v3.

4- Sabemos que el área de TI es muy dinámica. ¿Cómo te mantienes actualizado? ¿Qué revistas, libros, sitios web o blogs recomiendas a los lectores?

Soy bastante autodidacta y no tengo muchas web de cabecera, las que más suelo usar son:

Seguridad informática: https://www.elladodelmal.com

Consultas técnicas Microsoft: https://docs.microsoft.com/es-es/

Exchange server : http://msexchangeguru.com/

5 – Cuente los equipos que usted posee y utiliza en su trabajo. ¿Tiene usted un Home Lab?

En mi trabajo uso las máquinas que el cliente tiene, a nivel de servidores son todos virtuales montados con vmware , sobre hardware BLADE de HP, en mi casa con mi equipo suelo montarme entornos virtuales como laboratorio, tengo una máquina Ryzen 2700x con 16 GB de ram y 10 TB de disco (sumando todos los que lleva). Además tengo una gran colección de pcs que muestro en mi canal de youtube, van desde um 8086, 286, 386, 486, Pentium 1, 2, 3,4, dual core… para más detalles mirad mis vídeos de la sección de los PCs máster race de TuberViejuner.

6 – ¿Cuál es tu sistema preferido? Windows, Linux o Mac OS?

Mi sistema preferido y del que tengo más conocimiento es Windows.

7 – ¿Y cómo surgió el canal Tuberviejuner en YouTube?

Surgió como la idea de crear algo que no encontraba en youtube en idioma español, transmito todas mis inquietudes y conocimiento en hardware retro y videojuegos antiguos, dándole mi visión e intentando entretener con buen humor.

8 – Haces un trabajo increíble al preservar la historia de las computadoras y los videojuegos clásicos. ¿Esperabas todo este éxito? ¿Te ayudó mucho el hecho de trabajar con informática?

No me lo esperaba, la verdad es que antes de publicar el primer vídeo sobre pcs retro me lo pensé mucho. Cuando publiqué y vi que gustó, me motivo a hacer la cantidad de contenido que hice a posteriori.

9 – ¿Mantiene todas las computadoras, consolas y juegos que muestra en el canal? ¿Cómo los organizas? Cuéntanos un poco sobre tu colección personal.

Todo lo que muestro lo guardo como puedo en mi casa y en casa de mi madre, estoy en proceso de tenerlo todo bien ordenado y catalogado, por lo que ahora mismo no puedo aportar material gráfico del almacenaje. Lo que sí es verdad es que, en algunos no son máquinas mías, me las presta mi colaborador , o algún suscriptor.

10 – Por fin, nos pase sus canales de comunicación en Internet y cómo los lectores pueden entrar en contacto con usted (Blog, Twitter, Linkedin, Facebook, sitio …)

– YOUTUBE: http://bit.ly/2OUpdK9

– INSTAGRAM: http://bit.ly/2NPZ9SU

– TWITTER: http://bit.ly/2BwI786

– GRUPO TELEGRAM: http://bit.ly/2MMHls9

– DISCORD: http://bit.ly/2Tqr0KX

Entrevista Gamer com Cleber Marques (Warpzone)

A entrevista de hoje é com Cleber Marques, um amigo de muitos anos e que além de ser meu colega de profissão, também é criador da WarpZone, um projeto independente que registra a história dos videogames no Brasil dos anos 80 e 90 através de livros e revistas impressas e diversos outros canais de mídia. Idealizador da iniciativa “Casa do Videogame” e do evento “Dia do Videogame” é colecionador e entusiasta de revistas antigas com mais de 3 mil exemplares catalogados. O detalhe é que essa entrevista foi realizada em Dezembro do ano passado, muita coisa aconteceu desde então, mas eu optei por publicar da forma original mesmo. As novidades vocês podem conhecer acessando os canais disponibilizados pelo Cleber no final desta entrevista. Então espero que gostem dessa entrevista, conheçam o projeto Warpzone e apoiem!

1 – Para começar, como surgiu o seu interesse por computadores e como você começou na área de TI?

Me interesso por computadores desde os anos 80, quando via, admirado as propagandas das revistas na época. Eu comecei a trabalhar na área em 1997, em meu primeiro emprego, uma época que nem todo mundo tinha ainda um PC na própria mesa. De lá pra cá sempre atuei com computadores profissionalmente, mas eles sempre fizeram parte das minhas atividades pessoais também.

2 – Você teve uma trajetória de destaque como profissional da área de TI, atuando em grandes empresas e projetos e resolveu sair da área e dedicar-se a uma iniciativa pessoal. Conte como surgiu a Warpzone e fale um pouco a respeito desta transição de carreira que você fez.

A WarpZone surgiu nos anos 90, quando eu mesmo escrevia minhas matérias e detonados, intensifiquei a ideia quando comprei meu primeiro computador em 1997, criando minhas revistas digitais e em 2015 eu finalmente coloquei o projeto em prática, lançando o primeiro fanzine impresso. Eu nunca sai da área de TI, mas em determinado momento meu hobby com a WarpZone se tornou mais sério. De 2016 em diante eu formei um time de especialistas e de lá pra cá lançamos mais de 55 publicações entre livros e revistas, a satisfação é imensa.

3 – Como foi sua iniciação no mundo dos games?

Nos anos 80, quando meu pai trouxe pra casa um Odyssey, com o jogo do Didi, nunca mais fui a mesma pessoa. Em tudo que eu lia ou assistia eu procurava por referências aos videogames ou computadores, me apaixonei por tecnologia. Porém, foi quando ganhei o meu Atari que a paixão se intensificou, a jogatina em casa envolvia até meus pais, que época gostosa.

4 – Estamos na oitava geração dos videogames. Você acompanhou todas as gerações? Se considera um colecionador de videogames e jogos?

Acompanhei todas, algumas com mais cuidado, outras nem tanto. Na época dos 8-Bit eu era criança e jogava sempre que podia, os 16-Bit eu foquei no SNES e me diverti demais, já do PS1 em diante eu já trabalhava, então o tempo dedicado aos videogames era menor, porém eu não parei de jogar nenhuma época. Me considero sim um colecionador, principalmente de itens nacionais e revistas de videogame, meus xodós.

5 – Qual a sua plataforma preferida para jogos? Videogames ou computadores?

Minha plataforma preferida são os consoles de mesa, mesmo gostando muito de jogos para MS-DOS. Entre os consoles o meu preferido é o SNES, passei muitos bons momentos com esse console, época de aluguel de cartuchos, revistas de videogame, muitas vezes nas locadoras alugando por hora também.

6 – Você é conhecido no meio retrogamer como um dos maiores colecionadores de revistas de videogame do Brasil. Conseguiria nos detalhar sua coleção?  Quais as suas publicações favoritas?

Minha coleção hoje tem mais de 3 mil exemplares, coleciono desde os anos 80, quando meu pai me trazia exemplares da revista Odyssey Aventura. Eu comprei todas as revistas clássicas na época, na banca de jornal, fazia meu próprio dinheiro vendendo coisas recicláveis e comprava as revistas lançadas no Brasil. Minha publicação favorita sempre foi a GamePower, antes de se juntar com a Supergame.

7 – Voltando à Warpzone, esta iniciativa incrível, que começou com um Fanzine e hoje tem todo um ecossistema de ofertas e produtos. Você esperava este crescimento gradativo e essa aceitação do público?

Não esperava e não planejei isso, tudo era pra ser uma iniciativa pequena, entre amigos. Mas, quando a comunidade abraçou a ideia eu me envolvi mais a fundo e dediquei muito esforço no projeto, o fanzine virou livro e os livros viraram publicações de luxo. Hoje temos mais de 55 publicações lançadas, um sucesso.

8 – Infelizmente o mercado editorial no Brasil passa por um momento delicado, com as pessoas lendo menos, publicações em papel diminuindo e livrarias como bancas de jornal fechando. Dentro desta realidade, o que podemos esperar quanto ao futuro da Warpzone?

A WarpZone é um projeto eterno, uma vez criada nunca mais vai acabar, ela é mantida pela comunidade hoje em dia, temos um clube que apoia a iniciativa mensalmente, além dos nossos leitores, nós fazemos em conjunto livros e revistas, material gratuito e pago, publicações físicas e digitais. Então, por ser um projeto de fã pra fã em que o fã bota a mão na massa pode esperar um futuro promissor, mesmo que em alguns momentos a gente tem que desacelerar um pouco por conta do mercado e economia, estaremos sempre por ai.

9 – A cena Retrogamer no Brasil e em todo mundo não para de crescer. A todo momento crescem a quantidade de projetos, eventos e iniciativas referente a esta temática. Como você vê e entende este mercado?

Vejo como uma ótima oportunidade de homenagearmos nossos jogos e videogames do passado, quanto mais projetos e iniciativas tivermos, mais serão as chances de reunirmos pessoas e fomentarmos uma comunidade em volta deste tema apaixonante. Não precisa ser apenas iniciativas comerciais, só o fato de reunir gente pra se divertir no final de semana é algo louvável.

Eu, Elton Barrez (Tiozão) e Cleber Marques, em visita na Casa do Videogame em Janeiro/2020

10 – Liste os seus 5 games favoritos de todos os tempos.

Super Metroid, Super Mario World, Chrono Trigger, Super Street Fighter 2 e Rockman X.

11 – O que você tem jogado atualmente? Qual o seu estilo de jogo predileto?

Não paro de jogar games lançados nos anos 80 e 90, o último que eu terminei foi New Adventure Island para PC Engine. Jogo muita coisa independente que remeta a games antigos, um dos últimos games que terminei foi Blazing Chrome, do estúdio brasileiros JoyMasher.

12 – Por fim, divulgue seus canais de comunicação na internet e como os leitores podem entrar em contato com você (Blog, Twitter, Linkedin, Facebook, site…)

https://www.facebook.com/warpzoneme

https://www.youtube.com/CanalWarpZone

https://www.instagram.com/warpzoneme/

warpzone.me

@WarpZoneMe

Bate-papo Gamer com o Luiz Miguel Gianeli, organizador do livro “Muito Além dos Videogames 3”

Olá pessoal,

nesta semana eu tive o prazer de conversar com o amigo Luiz Miguel Gianeli, escritor e organizador do livro “Muito Além dos Videogames 3”, uma coletânea de 69 crônicas gamers em 182 páginas, que eu tive o prazer de participar. Conheçam e prestigiem mais um belo projeto retrogamer!

Para comprar o e-book Kindle clique aqui

Para a comprar a versão impressa clique aqui

Diário de Uberlândia – Coluna Mundo Tech – Nostalgia Gamer através de emuladores para PC – 29/12/2019

Olá pessoal,

Segue abaixo a Coluna Mundo Tech publicada no último domingo (29/12) no jornal Diário de Uberlândia,  falando sobre emuladores de videogames clássicos.

Espero que gostem e boa jogatina!

MUNDO_TECH_29122019

Diário de Uberlândia – Coluna Mundo Tech – Para quem gosta de livros e videogames – 24/11/2019

Olá pessoal,

Segue abaixo a Coluna Mundo Tech publicada em 24/11 no jornal Diário de Uberlândia, onde eu falo sobre livros especializados em Games. Aproveitem!

MUNDO_TECH_24112019

#BGS10: Activision retorna à Brasil Game Show em um ano de grandes lançamentos

De volta à maior feira de jogos eletrônicos da América Latina, a Activision terá muitas atrações e o maior estande da história

BGS LOGOFãs de games que aguardam ansiosos pelos grandes lançamentos do ano já podem se preparar para experimentar alguns deles em primeira mão durante a Brasil Games Show, a maior feira de games da América Latina, que acontece entre 11 e 15 de outubro no Expo Center Norte, em São Paulo. O evento, que chega à sua décima edição em 2017, acaba de confirmar a presença da Activision, responsável por jogos como Call of Duty: WWII, previsto para 3 de novembro em versões para PlayStation 4 e Xbox One, e Destiny 2, que chega ao mercado em 6 de setembro para consoles e em 24 de outubro para PCs. Os dois títulos estarão disponíveis para serem jogados na BGS.

“A BGS é um dos espaços mais importantes para os games no Brasil, pois é quando sentimos os fãs em contato direto com as franquias que tanto amam. Estamos muito empolgados com nossos lançamentos deste ano, com jogos como Call of Duty: World War II e Destiny 2. Assim, vamos participar com o maior estande da história da Activision na BGS e esperamos que o público possa aproveitar ao máximo o que temos para mostrar em 2017”, explica Marcelo Teracini, gerente geral da Activision na América Latina.

“A volta da Activision à edição histórica da BGS é um grande presente para o evento e para os gamers, que curtirão as novidades de um ícone do mercado de jogos. Temos certeza que a BGS 2017 será a maior e a melhor até hoje e estamos ansiosos para compartilhar ainda mais novidades com os visitantes”, disse Marcelo Tavares, CEO e fundador da BGS.

A Brasil Game Show 2017 terá mais de 250 marcas participantes, personalidades internacionais do universo gamer, diversos lançamentos de jogos e inúmeras atrações para um público esperado de mais de 300 mil pessoas.

Sétimo lote de ingressos já começou a ser vendido

Para conferir de perto todas as novidades da Brasil Game Show 2017, os interessados podem adquirir ingressos do sétimo lote com desconto de até 12% pelo site oficial http://www.brasilgameshow.com.br. Dessa forma, os tickets para cada dia da BGS custam R$ 79,00 (meia-entrada) e o passaporte para os quatro dias do evento abertos ao público R$ 237,00 (meia-entrada), ou seja, com este pacote, um dia de evento sairá de graça para o visitante.

Têm direito ao benefício da meia-entrada aqueles que doarem 1kg de alimento não-perecível na entrada do evento, estudantes, idosos, professores e pessoas com deficiência.

Para acompanhar de perto todas as novidades da #BGS10 e garantir os ingressos, acesse: www.brasilgameshow.com.br

Video – Dica Gamer 01 – Jotun: Valhalla Edition de graça na Steam neste final de semana

Olá pessoal,

a Thunder Lotus Games disponibilizou de forma gratuita somente neste final de semana o jogo para PC Jotun: Valhalla Edition e eu gravei um vídeo rápido a respeito. Vejam abaixo.

Boa jogatina!

BGS10: Brasil Game Show renova parceria com a LATAM e visitante da feira pode comprar passagem com até 25% de desconto

BGS LOGODe olho no conforto e na segurança do público que vem de várias partes do Brasil, a BGS também firma um acordo especial com a Evnts e disponibiliza opções de hospedagem a preços diferenciados durante os dias da feira

Além de trazer personalidades internacionais do universo gamer, os principais lançamentos de jogos e inúmeras atrações para os apaixonados por games, a Brasil Game Show também oferecerá infraestrutura e serviços à altura do maior evento de games da América Latina, que será realizado entre 11 e 15 de outubro no Expo Center Norte, em São Paulo. Em 2017, a BGS contará mais uma vez com a parceria da LATAM e visitantes de todas as regiões do país poderão comprar passagens com descontos especiais de até 25%. O acordo é válido exclusivamente para o público da décima edição da BGS e vale para as tarifas de qualquer parte do Brasil com destino a São Paulo, operadas pela LATAM, no período entre 06 e 16 de outubro. No caso de tarifas promocionais já existentes, haverá um desconto adicional de 10%. Para utilizar os benefícios e saber mais detalhes da parceria, os interessados devem acessar o site: www.brasilgameshow.com.br/transporte/.

Read more of this post

BGS10: Brasil Game Show anuncia área Meet & Greet com patrocínio oficial da Canon, que fará sua estreia no evento

BGS LOGOVisitantes da BGS terão acesso gratuito ao espaço, onde poderão encontrar, pegar autógrafos e tirar fotos com personalidades do universo dos games, streamers, influenciadores digitais e celebridades; em sua primeira participação, Canon também terá estande para apresentar suas novidades, como o Combo EOS Youtuber T6i, um conjunto de produtos desenvolvido especialmente para youtubers.

A décima edição da Brasil Game Show (BGS), maior feira de games da América Latina, que será realizada entre os dias 11 e 15 de outubro no Expo Center Norte, em São Paulo, e promete ser a maior e melhor de todos os tempos, terá um espaço exclusivo de interação entre visitantes, personalidades do mundo dos games, influenciadores digitais e celebridades. Trata-se da área “Meet & Greet Canon” que pela primeira vez será patrocinada pela Canon, líder mundial em soluções de imagem digital e referência em fotografia.

No espaço de 110 m², as centenas de milhares de visitantes – a expectativa do evento é superar a marca de 300 mil pessoas – poderão tirar fotos, conversar e pegar autógrafos de seus ídolos. Os convidados da área “Meet & Greet Canon” já estão sendo revelados pela BGS e podem ser conhecidos no site oficial do evento (www.brasilgameshow.com.br/meet-greet/). Até o momento, Nolan Bushnell, criador do Atari, e Hector Sanchez, que foi produtor das séries Mortal Kombat e Injustice, e que atualmente está na Annapurna Interactive, responsável pelos jogos Ashen e The Artful Escape, anunciados recentemente, são nomes confirmados, mas o público pode esperar por mais surpresas. Read more of this post

#BGS10: Maior feira de games da América Latina confirma participação da DXRacer

Com estande de 300m², fabricante de cadeiras para gamers levará aos visitantes sua linha de produtos que alinha qualidade, conforto e design; DXRacer também é uma das patrocinadoras da décima edição da BGS

BGS LOGONa décima edição da Brasil Game Show (BGS), o público poderá conhecer e experimentar o que há de mais moderno e avançado em termos de conforto para jogadores. É o que garante a DXRacer, líder na fabricação de cadeiras para gamers e fornecedora de algumas das principais equipes de e-Sports do Brasil. Em um estande de 300 m², a DXRacer exibirá sua variada linha de produtos e os gamers poderão sentir a diferença que uma cadeira criada para encarar longas jornadas pode fazer para o corpo e para o desempenho nas partidas. Além de participar da BGS, a DXRacer patrocina a maior feira de jogos eletrônicos da América Latina, que será realizada entre 11 e 15 de outubro, no Expo Center Norte, em São Paulo.  Read more of this post

#BGS10: Razer é o primeiro patrocinador confirmado na décima edição da Brasil Game Show

Fabricante de periféricos e sistemas voltados para gamers participará pela sexta vez seguida da maior feira de games da América Latina; evento reunirá mais de 250 marcas em 2017

Com uma linha completa de produtos feitos por gamers e para gamers, a Razer reuniu milhares de fãs em seus estandes nas últimas cinco edições da Brasil Game Show, e promete repetir a dose em 2017, quando participará novamente da maior feira de games da América Latina, entre 11 e 15 de outubro, no Expo Center Norte, em São Paulo.

#BGS10 – Um pouco de história

A Razer estreou na Brasil Game Show em 2012, quando o evento aconteceu pela primeira vez na capital paulista. De lá pra cá, foram cinco participações seguidas e o estande da fabricante de periféricos e sistemas para gamers cresceu e ganhou uma loja. Entre os produtos da Razer que foram expostos pela primeira vez no Brasil durante a BGS estão os laptops Razer Blade e Razer Blade Pro, o tablet gamer Razer Edge, o mouse Ouroboros, o teclado DeathStalker Ultimate, a pulseira inteligente Razer Nabu e a linha de produtos para broadcast, que tem o microfone Seiren, a webcam Stargazer e a placa de captura Ripsaw.

Primeiro patrocinador revelado da #BGS10, a Razer terá um estande de dois andares repleto de atrações. “A Brasil Game Show é o principal ponto de encontro da Razer com os fãs brasileiros e temos certeza que na décima edição da feira esse momento será ainda mais especial para jogadores de PC, console e mobile, além de fãs de e-Sports”, disse Vitor Martins, diretor da Razer no Brasil. “Desde 2012 participamos da Brasil Game Show e a expectativa é maior a cada ano. O evento é o mais importante de games no continente e uma excelente oportunidade para nossos fãs conhecerem e experimentarem os novos produtos”.

“A Razer sempre nos surpreende, tanto pelas novidades que reserva para a BGS como pela quantidade de visitantes que atrai para seu estande. O espaço da Razer é um dos mais movimentados e durante todos os dias de feira. A empresa sabe o que seu público gosta e investe nas novidades, na disponibilidade de produtos para o visitante testar e na venda de periféricos gamers”, disse Marcelo Tavares, CEO e fundador da Brasil Game Show.

Quarto lote de ingressos já está à venda

Para conferir de perto as novidades da décima edição da Brasil Game Show, os interessados podem adquirir ingressos do quarto lote com desconto de até 27% pelo site oficial www.brasilgameshow.com.br. Dessa forma, os tickets para cada dia da BGS custam R$65 (meia-entrada) e o passaporte para os quatro dias do evento abertos ao público R$195 (meia-entrada), ou seja, um dia de evento sairá de graça para o visitante com este pacote.

Têm direito ao benefício da meia-entrada aqueles que doarem 1kg de alimento não-perecível na entrada do evento, estudantes, idosos, professores e pessoas com deficiência.

Para acompanhar de perto todas as novidades da #BGS10 e garantir os ingressos, acesse: www.brasilgameshow.com.br.

Fãs do Mega Drive ganham livro histórico no Brasil com participação da Tectoy

Olá pessoal,

Quem acompanha o blog sabe que eu sou um fã dos retrogames e que eu apoio e faço questão de divulgar projetos referentes a este tema. Pois bem, o pessoal da Warpzone, do meu amigo Cleber Marques, está com um lançamento incrível para aqueles que são como eu apaixonados por jogos antigos. Vejam o release abaixo e corram pois no dia 10/04 o projeto será encerrado!

A WarpZone, editora independente que publica livros e revistas sobre jogos clássicos, faz uma parceria inédita com a Tectoy, empresa conhecida pelos fãs como representante da Sega no Brasil.

Warpzone-Megadrive

Aproveitando o ótimo momento em que o mercado espera o lançamento do novo Mega Drive pela Tectoy, em comemoração aos 30 anos da empresa, a WarpZone criou uma campanha de financiamento coletivo para o lançamento de um livro de luxo intitulado Mega Drive Definitivo, que promete ser uma homenagem aos fãs do console em mais de 320 páginas trazendo análises de mais que 1200 jogos, listas de modelos e acessórios, a história do Mega Drive e da própria Tectoy e ainda um prefácio feito por Stefano Arnhold, presidente do conselho da Tectoy.

O financiamento oferece a possibilidade dos fãs terem o nome no livro, uma frase na primeira página, escolher entre uma versão limitada com caixa exclusiva que simula a caixa do Mega Drive e até ter o próprio testemunho registrado nas páginas da publicação. É possível apoiar a campanha pelo link www.catarse.me/megadrive até o dia 10/04 e fazer parte da história que é um marco no mercado editorial brasileiro.

Sobre a WarpZone

A WarpZone é uma editora independente com o objetivo de levar seu público de volta aos anos 80 e 90 através de livros e revistas. Fundada em 2015, hoje é mantida por dois sócios, Cleber Marques, criador e idealizador do projeto, e Ivan Battesini, criador da rede de lojas PROGAMES e da revista Gamers. Site: www.warpzone.me

Sobre a Tectoy

A Tectoy foi fundada em 1987, inicialmente para desenvolver e produzir brinquedos de alta tecnologia e tornou-se referência nacional na área de entretenimento eletrônico e brinquedos. A empresa conta com duas filiais. A fábrica em Manaus e a sede em São Paulo onde fica toda a sua inteligência. Atualmente, a Tectoy está posicionada como uma empresa de tecnologia, onde oferece, além de produtos com a licença Sega, produtos voltados para o mercado de eletrônicos e entretenimento digital. Site: www.tectoy.com.br

Contato para entrevistas e mais informações: Cleber Marques (cleber@warpzone.me/11-9-8628-0508).

 

“A Evolução do Videogame” conta a história de quase meio século dos jogos eletrônicos durante a Brasil Game Cup Rio

 Área na primeira edição carioca do evento terá mais de 100 consoles; visitantes também poderão disputar campeonatos retrô e se divertir na arena Free Play

BGC2017

Além de promover campeonatos de grandes jogos da atualidade, com direito a palco, telão e jogadores profissionais, a Brasil Game Cup Rio levará os visitantes do evento para uma grande viagem pela história de 45 anos dos videogames. De 7 a 9 de abril, no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro, a exposição “A Evolução do Videogame” exibirá mais de 100 consoles do acervo pessoal de Marcelo Tavares, fundador da Brasil Game Show, da Brasil Game Cup e maior colecionador de games do Brasil.

Entre os consoles que poderão ser vistos no evento estão modelos icônicos, como Telejogo, Atari VCS, Jaguar, Odissey, Channel F, Game & Watch, Microvision, Famicom, Neo Geo, Nintendinho (NES), Mega Drive, Master System, Nintendo 64 e GameBoy. Mais informações sobre a área “A Evolução do Videogame” estão disponíveis em https://youtu.be/hkGUGxsq9-A.

Além de visitar a mostra, quem quiser se divertir ainda mais e desafiar os amigos poderá participar de campeonatos retrô e jogar na arena Free Play, onde haverá 50 máquinas de arcade com títulos clássicos e computadores à disposição do visitante.

“A Brasil Game Cup é um evento de games completo, que tem competições de jogadores profissionais para o público torcer, espaço para jogar, competir e conhecer a história das oito gerações de videogames”, disse Marcelo Tavares. “A primeira edição carioca tem atrações inéditas, como os torneios retrô, a Drone Racing e a área Free Play. Queremos que o público tenha uma experiência intensa e viva três dias de muita diversão”.

Além da exposição “A Evolução do Videogame” e da arena Free Play, os visitantes poderão aproveitar outras atrações, como:

  • Finais dos campeonatos de e-Sports – Partidas decisivas entre times e jogadores profissionais de Counter Strike: Global Offensive, Dota 2 e Overwatch
  • Showmatches – partidas de Hearthstone, o jogo gratuito de cards da Blizzard.
  • Drone Racing – espaço onde serão realizados campeonatos de drones e exposição de aparelhos
  • Cosplay Zone – palco para concursos de cosplayers com premiações diárias
  • Área Indie – espaço dedicado aos desenvolvedores independentes e que terá estandes de estúdios brasileiros
  • Indie Meeting – área exclusiva para apresentações e palestras dos indies participantes
  • Meet & Greet – local em que fãs poderão encontrar ídolos do universo dos games, pegar autógrafos e tirar fotos
  • Brasil Game Jam – competição em que estudantes universitários ou de cursos livres relacionados a games terão 48 horas para criar um jogo
  • Loja Oficial – com milhares de produtos licenciados da BGC e da BGS

Para visitar a Brasil Game Cup Rio e conferir de perto todas as novidades do evento, visitantes podem adquirir seus ingressos em brasilgamecup.com.br/ingressos/.

Serviço – BGC Rio de Janeiro 2017

Quando: 07 a 09 de abril de 2017

Onde: Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro

Endereço: Av. Paulo de Frontin, 1 – Cidade Nova, Rio de Janeiro –

Sobre a Brasil Game Cup – Criada em 2014 pela BGS, a BGC é um evento de games com competições nacionais de esportes eletrônicos, com classificatórias online e finais presenciais. Em 2017, já estão confirmadas a BGC Rio de Janeiro, de 7 a 9 de abril, e a BGC São Paulo, que será realizada dentro da Brasil Game Show.

Sobre a Brasil Game Show – Realizada pela primeira vez em 2009 na capital carioca como Rio Game Show, a BGS está a caminho de sua décima edição. Em 2017, a maior feira de games da América Latina e o segundo maior evento do setor no mundo em área utilizada será realizada de 11 a 15 de outubro, no Expo Center Norte, em São Paulo.

Nostalgia Gamer: Montando um console retrô com RetroPie no Raspberry Pi Zero, o computador de 5 dólares

Olá pessoal,

Quem me conhece sabe que eu sou um apaixonado por Games antigos e mesmo o blog não sendo especializado, vez ou outra eu publico algo a respeito. Em 2014, eu publiquei um artigo sobre o OpenEmu, plataforma de emulação para MacOS na extinta revista MacMais. No ano seguinte eu disponibilizei o pdf da matéria neste post.

Neste ano meu irmão me enviou dos Estados Unidos 3 unidades do Raspberry Pi Zero, o computador de 5 dólares, para que eu pudesse estudar mais a respeito do produto e também gerar conteúdo sobre.

Uma das utilidades que encontrei neste mini-computador é a possibilidade de transformá-lo em um console retrogamer, via emulação, utilizando o surpreendente sistema RetroPie, baseado no Raspbian, uma distribuição Linux específica para o Raspberry, cujo processo de instalação eu descreverei neste post. Em breve farei um post descrevendo este procedimento para instalação do RetroPie em um PC convencional.

retropielogo

Voltando ao RetroPie, se trata de um projeto bastante interessante criado para disponibilizar uma série de emuladores de consoles e  computadores antigos em uma única plataforma, utilizando uma interface bastante intuitiva  e de simples utilização, disponibilizando uma quantidade enorme de emuladores de consoles como os da Atari, Sega, Nintendo, Sony e computadores como Macintosh, ZX Spectrum, Amiga, Apple II, Commodore 64 entre outros. Veja a lista completa de emuladores disponíveis aqui.

Com o RetroPie você pode jogar novamente clássicos de quase todos os sistemas já lançados, porém com o Raspberry Pi Zero não é possível ter uma boa performance nos emuladores de consoles mais potentes. Nos bem antigos como, por exemplo, Atari, Nes, Master System, Mega Drive e Super NIntendo o desempenho é bem satisfatório, nos demais o ideal é obter uma versão mais potente do Raspberry Pi. No site do projeto a recomendação para se ter uma melhor performance é a versão 3, Model B.

Então vamos montar o console retrô com o Raspberry Pi Zero 1.3. Vejam abaixo as características da placa:

raspberry-pi-zero

  • 1GHz, Single-core CPU
  • 512MB RAM
  • Mini-HDMI port
  • Micro-USB OTG port
  • Micro-USB power
  • HAT-compatible 40-pin header
  • Composite video and reset headers
  • CSI camera connector (v1.3 only)

img_8596

Hardware necessário

Obviamente além do Raspberry Pi, precisamos dos seguintes itens de Hardware para montar o console retrô:

  • Cartão MicroSD, vejam aqui os modelos compatíveis, eu utilizei um de 16 GB
  • Leitor de Cartão MicroSD, utilizado para a instalação do RetroPie
  • Cabo HDMI
  • Adaptador Mini HDMI (Se o cabo HDMI já tiver uma das pontas MiniHDMI, desconsiderem)
  • Adaptador Micro USB
  • Televisão ou monitor com porta HDMI
  • Fonte de 5V 2A Micro USB, para alimentação do Raspberry, um carregador de celular, por exemplo
  • Hub USB
  • Pen Drive vazio para transferir as ROMs
  • Joystick USB, por exemplo, os do PS3 e XBOX 360 funcionam bem como outros modelos USB ou um teclado e mouse

Instalação do sistema

 

Para fazer a instalação do RetroPie no cartão MicroSD será necessário um computador com Windows, Linux ou Mac.

Estão disponíveis duas versões do sistema RetroPie, uma voltada para o Raspberry Pi 0/1 e outra para o Raspberry Pi 2/3. A release mais nova é a 4.1 e  download da imagem deve ser feito em https://retropie.org.uk/download/ 

Após o download descompacte o arquivo retropie-4.1-rpi1_zero.img.gz, seja via Shell no Linux via gunzip ou no Windows utilizando um programa, como por exemplo, o 7-Zip, que eu recomendo e utilizo diariamente.

No meu caso, utilizei o programa Win32DiskImager, recomendado no próprio site do projeto, em uma máquina com Windows para instalar o RetroPie no Cartão MicroSD. O procedimento é bem simples. Vejam abaixo:

Como o Win32 Disk Imager aberto, em Image File, selecione o arquivo de imagem do RetroPie que foi previamente baixado e descompactado. Ao lado, em Device, selecione o cartão MicroSD que deve estar conectado ao PC com Windows, certifique-se que a unidade  correspondente está correta e clique em Write. O cartão MicroSD será formatado e o RetroPie instalado.

win32diskimager2

Agora conecte o cartão de memória ao Raspberry Pi e ligue a placa.

Em Welcome, devemos configurar o Joystick plugado no Raspberry, no meu caso utilizei o do XBOX 360, sem dúvida o meu preferido. Pressione qualquer tecla por alguns segundos e o processo de configuração iniciará. Feito isso será apresentada a interface do EmulationStation, onde poderemos selecionar qual sistema vamos utilizar e qual jogo vamos jogar. De imediato nenhum sistema é disponibilizado pois as roms dos jogos devem ser adicionadas às pastas dos sistemas para posterior visualização.

Tranferindo as roms para o RetroPie

As roms podem ser transferidas via rede ou através de um PenDrive USB. Neste post vou demonstrar o processo via PenDrive pois o Raspberry Pi Zero que eu recebi não vem com adaptador WI-FI e eu não estou com uma interface de rede USB disponível no momento.

Para copiar as roms via Pendrive siga os passos abaixo:

  1. Formate o pendrive que você disponibilizou para esta finalidade, com FAT32 ou NTFS. Eu utilizei um SanDisk de 16 GB formatado com FAT32.
  2. Crie uma pasta chamada retropie neste Pendrive
  3. Conecte o Pendrive no HubUSB ligado ao Raspberry e deixe conectado por alguns poucos minutos para que seja criada a estrutura abaixo da pasta retropie criada no passo anterior. Caso o Pendrive possua led, aguarde o led parar de piscar
  4. Conecte o Pendrive no PC novamente e adicione as roms nas pastas correspondentes aos sistemas abaixo de retropie/roms retropieroms
  5. Conecte o pendrive novamente ao Raspberry e aguarde a cópia das roms
  6. Reinicie o Retropie e os emuladores e jogos que você copiou estarão disponíveis. Lembrem-se que a cada vez que este procedimento de cópia do Pendrive para o Raspberry for feito, o sistema deve ser reiniciado.

Agora é só aproveitar e jogar os games clássicos!

#BGS10: Brasil Game Show já tem 97 caravanas confirmadas para sua décima edição

A oito meses do evento, grupos de 82 cidades brasileiras já garantiram presença na maior feira de games da América Latina; até 23h59 de hoje, 17/02, ingressos podem ser adquiridos com descontos que chegam a 46%

A Brasil Game Show (BGS) só acontece em outubro, mas mesmo com oito meses de antecedência, 97 caravanas de 82 cidades brasileiras já se preparam para visitar a décima edição da maior feira de games da América Latina entre 11 e 15 de outubro de 2017, no Expo Center Norte, em São Paulo. São jogadores e fãs de games do Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo, ávidos para curtir as diversas atrações do evento, como a palestra de Nolan Bushnell, criador do Atari, e um dos maiores ícones da indústria dos games e entretenimento.

Para montar uma caravana, basta reunir grupos de pelo menos 15 pessoas, eleger um responsável maior de 18 anos e seguir as informações de cadastro disponíveis em www.brasilgameshow.com.br/caravanas/, onde também é possível ver a lista completa de caravanas já formadas. O organizador de cada grupo pode adquirir até 50 ingressos pelo mesmo CPF e, dependendo da quantidade de pessoas que conseguir reunir, garante credenciais VIP para curtir todos os dias do evento, além de camisetas oficiais da BGS.

Um vídeo com todos os detalhes sobre as caravanas para a BGS 2017 pode ser visto no canal da BGS no YouTube ou pelo link www.youtube.com/watch?v=q2pOmzxTkNg&feature=youtu.be

Revista WarpZone – 101 Games do SNES / Biografia MARIO

Olá pessoal,

gravei um vídeo fazendo um pequeno review sobre dois exemplares que recebi da Revista Warpzone, um projeto fantástico criado pelo meu amigo Cleber Marques e que eu faço questão de apoiar e divulgar. Se trata de leitura indispensável para todo apaixonado por Retrogames. O material é de extrema qualidade e não tenho dúvidas que vai fazer parte da coleção de vocês.

Prestigiem!

 

Brasil Game Show 2016 confirma participação da NVIDIA, uma das grandes representantes do PC gaming na feira

Em sua terceira participação no evento, empresa líder em computação visual promete agitar seu estande com muitas novidades para os jogadores de PC e entusiastas dos e-Sports 

bgsA Brasil Game Show (BGS) revela mais um patrocinador ouro para a edição de 2016 da feira: a NVIDIA, empresa líder em computação visual e fabricante de tecnologias para computadores, incluindo as recém-anunciadas GeForce GTX Serie 10, preparadas para a realidade virtual (VR), inovação que está revolucionando a maneira de consumir produtos de entretenimento. Esta será a terceira participação da NVIDIA na maior feira de games da América Latina, que acontece de 1º a 5 de setembro no São Paulo Expo/SP. Tudo isso em um espaço de 500m².

“Este ano, teremos um estande bem maior, o dobro de máquinas e o dobro de atrações. A NVIDIA virá para quebrar todos os recordes de audiência. Teremos títulos ainda não lançados, a maior experiência já vista em VR, partidas eletrizantes de e-Sports e um estande de cair o queixo. É bom que os visitantes da BGS venham preparados para passar muitas horas dentro do nosso universo, onde o PC Gaming é o que manda”, diz Leo De Biase, gerente de marketing e relações públicas da NVIDIA para a América Latina.

Para o criador e CEO da BGS, Marcelo Tavares, “a NVIDIA tem feito um grande trabalho com realidade virtual e estamos ansiosos para ver o que trará para a BGS desse ano. É um prazer enorme contar novamente com uma das principais fabricantes mundiais de tecnologia para jogadores de PC e temos certeza que seu estande, assim como no ano passado, será um grande sucesso”.

Além da NVIDIA, outros grandes nomes já foram confirmados para a BGS 2016, como a Razer, HyperX, Piticas, SAGA, Supercell, 2DVerse, ABXY, Arcolabs, Alien Phalanx, Anguis Game Studio, Animeage, Bad Minions, Behold Studios, Bit Cake Studio, Carnarval Game Studio, Donut Coffe Shop, Duca Games, Dreamkid Studio, Ethereal Flame Studios, Flipflop Lab, Flux Game Studio, Gamertag Camisetas, Gartic, Geek2Geek, Hexa Game Studio, Higher Studio, Incomm, IPS, Kekis Games, Kiatto, Kinship, Legião Nerd, Machine Bear, MegaCityCopter, Megatumi, Messier, Miris Mind, Monster Burp, Mono Myth, Mopix Games, Narsvera, Nezumi Studio, Onanim, Original VGO, Orion Digital, Overlord, P8G Player 8 Studio, Penski, Playbor, Pipa Combate, Poking Life Studio, Raw Studio, Reload Game Studio, Samurai Games, Skyjaz, Sixvisions, Smyowl, Supernova Game Studio, TDZ Games, Too Nerd to Die, Tower Up Studios, Void Studios, Wolfb, World of Collectibles, Xplow Studio. A lista completa dos expositores da BGS 2016 está disponível em http://www.brasilgameshow.com.br/lista-de-expositores/.

Inscrições para a 2ª qualificatória do torneio de Dota 2 da Brasil Game Cup (BGC) já estão abertas e vão até a próxima segunda-feira (6)

Equipes podem se inscrever gratuitamente para uma das 128 vagas até 6 de junho pelo site brasilgamecup.com.br; Campeonato tem premiação total de R$ 60 mil e final será no palco da Brasil Game Show (BGS)

São Paulo, 03 de junho de 2016 – Interessados em disputar o torneio de Dota 2 da Brasil Game Cup (BGC), com premiação total de R$ 60 mil, têm mais uma chance. Já estão abertas as inscrições para a segunda classificatória da competição, com vaga para 128 times brasileiros. Os interessados devem se inscrever até a próxima segunda-feira, 06 de junho, pelo site: brasilgamecup.com.br/. As partidas começarão em 11 de junho, e a partir de 9 de julho, já nas oitavas-de-final, serão transmitidas ao vivo do estúdio da BGS, no Rio de Janeiro, com narradores e comentaristas profissionais.

O time ganhador desta segunda classificatória irá competir na finalíssima da competição, que será realizada em 5 de setembro, no palco da BGS, a maior feira de jogos eletrônicos da América Latina. O time vencedor do torneio de Dota 2 da BGC terá seu nome gravado no trófeu Ralph Baer e levará um prêmio de R$ 30 mil. Já o segundo colocado receberá R$ 10 mil. Cada classificatória distribui mais R$ 10 mil entre os três primeiros colocados.

Além do campeonato de Dota 2, em 2016 a BGC terá torneios de outros títulos, que serão anunciados em breve.

Ingressos promocionais 

Os interessados em acompanhar a grande final da BGC já podem adquirir os ingressos da BGS 2016 com desconto. Até as 23h59 do dia 20 de junho, as entradas para cada dia da feira estão com 11% de desconto e saem por R$ 75 (individual). Já o passaporte para todos os dias abertos ao público está com 13% e sai por R$ 260. Os valores são referentes à meia-entrada, disponível para todos que doarem 1 kg de alimento não perecível na entrada do evento, além de estudantes, portadores de necessidades especiais, idosos com idade a partir de 60 anos e professores, todos mediante apresentação de comprovação.

Serviço – BGS 2016
Quando: 01 a 05 de setembro (1º dia exclusivo para imprensa e business)
Onde: São Paulo Expo
Endereço: Rodovia dos Imigrantes, KM 1,5 – São Paulo – SP
Horário: 13h às 21h
Ingressos (até 20/06/2016):
Individual (meia-entrada) – R$ 75 (ingresso para 1 dia de evento – 02, 03, 04 ou 05 de Setembro)
Passaporte (meia-entrada) – R$ 260 (acesso a todos os dias de evento abertos ao público – 02, 03, 04 e 05 de Setembro)
Premium – R$349 (acesso a todos os dias de evento, incluindo o dia exclusivo para imprensa e business – 01, 02, 03, 04 e 05)
Todos os ingressos disponíveis podem ser adquiridos em opções combo que incluem a publicação “Brasil Game Show – O livro”, que conta a história da BGS, por um acréscimo de apenas R$25.
Mais informações e outras opções de ingressos em www.brasilgameshow.com.br

Sobre a Brasil Game Show – Realizada pela primeira vez em 2009 na capital carioca como Rio Game Show, a BGS está a caminho de sua nona edição. Em 2016, a maior feira de games da América Latina será realizada de 01 a 05 de setembro, no São Paulo Expo, maior e mais moderno centro de exposições do Brasil.

A seis meses do evento, Brasil Game Show 2016 já tem mais de 70 caravanas confirmadas

Terceiro lote promocional de ingressos acabou na última quarta-feira (16)

A pouco menos de seis meses da abertura da Brasil Game Show 2016 (BGS), mais de 70 caravanas já estão confirmadas para chegar ao São Paulo Expo, em São Paulo, entre os dias 1º (somente para imprensa e convidados) e 5 de setembro. São jogadores e fãs de games vindos de Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Goiás e Espírito Santo que já têm tudo preparado para visitar a maior feira de jogos eletrônicos da América Latina. Os grupos cadastrados podem ser encontrados neste endereço: www.brasilgameshow.com.br/sou-visitante/transporte-e-hospedagem/caravanas-2016

O organizador de cada caravana com mais de 30 integrantes receberá uma credencial VIP para ir a todos os dias do evento, inclusive o dia 1º, exclusivo para imprensa e convidados. No ano passado, o evento recebeu 200 caravanas e a expectativa é de superar este número em 2016. Para participar, basta reunir grupos a partir de 15 pessoas, eleger um responsável maior de 18 anos e seguir as informações de cadastro no link www.brasilgameshow.com.br/sou-visitante/transporte-e-hospedagem/cadastre-sua-caravana. Nesse endereço estão descritos todos os benefícios para o caravanista.

Serviço – BGS 2016

Quando: 01 a 05 de setembro (1º dia exclusivo para imprensa e business)
Onde: São Paulo Expo
Endereço: Rodovia dos Imigrantes, KM 1,5 – São Paulo – SP
Horário: 13h às 21h

Mais informações e outras opções de ingressos em www.brasilgameshow.com.br

Sobre a Brasil Game Show – Realizada pela primeira vez em 2009 na capital carioca como Rio Game Show, a BGS está a caminho de sua nona edição. Em 2016, a maior feira de games da América Latina será realizada de 01 a 05 de setembro, no São Paulo Expo, maior e mais moderno centro de exposições do Brasil.

Terceira edição da Brasil Game Cup (BGC) contará com novos jogos, classificatórias durante o ano e já tem o primeiro título confirmado com R$60 mil em premiação

Dota 2 é o primeiro game anunciado para a competição, que terá finais em setembro, na Brasil Game Show (BGS)

gbs final e variacoes

A Brasil Game Cup, campeonato nacional de jogos eletrônicos realizado na Brasil Game Show (BGS), maior feira de games da América Latina, este ano contará com muitas novidades. Além do torneio de Dota 2, game já participante nas edições anteriores e confirmado para 2016, a competição contará com outros jogos, que serão anunciados nos próximos meses.

Ao longo do ano haverá disputas classificatórias, que além de premiações em dinheiro proporcionarão aos melhores times a chance de disputar presencialmente as grandes finais da competição, a serem realizadas no palco da BGC na BGS. As etapas presenciais contarão com superestrutura com telões de alta definição, grande plateia e equipe de transmissão profissional no maior e mais moderno centro de exposições do país. Além disso, todas as partidas das finais serão transmitidas via streaming.

A premiação para o primeiro torneio já confirmado para a Brasil Game Cup deste ano, com o game Dota 2, será de R$60 mil. Os vencedores de cada competição terão seu nome gravado no Troféu Ralph Baer – homenagem ao criador do primeiro videogame da história.

BGC – Dota 2

O torneio de Dota 2 da BGC terá duas etapas classificatórias online, que definirão os dois times que disputarão a grande final no dia 05 de setembro, durante a BGS. Cada classificatória contará com 128 vagas para times brasileiros, premiação de R$5 mil e uma vaga na grande final para a equipe vencedora. Os segundos colocados de cada etapa levarão o prêmio de R$3 mil e os terceiros R$2 mil.

A primeira classificatória online acontecerá entre os dias 02 de abril e 21 de maio e todos os jogos serão aos sábados, a partir das 13h30.

O time vencedor na grande final, dia 05 de setembro, levará o prêmio de R$30 mil e terá seu nome gravado no Troféu Ralph Baer. O segundo colocado receberá R$10 mil.

Para participar do torneio de Dota 2, os times interessados deverão se inscrever diretamente no site oficial da competição www.brasilgamecup.com.br entre os dias 07 e 25 de março, ou até atingir o número de vagas.

Em 2015, participaram da competição as equipes paiN Gaming, T-Show, Keyd Stars, Not Today, Isurus Gaming, Artyk Gaming, INTZ e Santos Dexterity. Pela segunda vez consecutiva, a paiN Gaming levou o título e gravou, mais uma vez, seu nome no Troféu Ralph Baer. Assista ao vídeo oficial em https://youtu.be/YSicia4oChE .

Ingressos

Os interessados em conferir as grandes finais da Brasil Game Cup devem adquirir seu ingresso para a Brasil Game Show em www.brasilgameshow.com.br .

Sobre a Brasil Game Cup – a caminho de sua terceira edição, a BGC é uma competição nacional de esportes eletrônicos que visa fortalecer ainda mais o cenário de games no país. Com classificatórias ao longo do ano, o campeonato terá suas finais realizadas na Brasil Game Show (BGS), maior feira do setor na América Latina.

Sobre a Brasil Game Show – realizada pela primeira vez em 2009 na capital carioca como Rio Game Show, a BGS está a caminho de sua nona edição. Em 2016, a maior feira de games da América Latina será realizada de 01 a 05 de setembro, no São Paulo Expo, maior e mais moderno centro de exposições do Brasil.