Review Stellar EDB to PST Converter

Olá pessoal,

Hoje eu trago para vocês o review da ferramenta Stellar EDB to PST Converter, que como o próprio nome já diz, faz a conversão de arquivos EDB (Exchange Database) para PST. Sem dúvida mais uma ferramenta bastante interessante e útil para os colegas Consultores de TI. Vejam o vídeo e comentem!

Identificando a localização dos databases do Exchange via PowerShell

Olá pessoal,

Deixo uma dica rápida para quem administra servidores Exchange Server. Estive em um cliente com Exchange 2010 e não havia documentação a respeito da localização dos databases. Como identificar o path via Power Shell?

Execute o Exchange Management Shell e em seguida o comando abaixo.

Get-MailboxDatabase -Status | select edbfilepath

exchangepsdatabases2

Turbonomic – E-book Microsoft Exchange Performance in Virtualized and Cloud Environments

Olá pessoal,

A Turbonomic disponibilizou o e-book “Microsoft Exchange Performance in Virtualized and Cloud Environments” que trata de um tema bem recorrente e relevante que é a questão da virtualização de servidores com Microsoft Exchange que vem ocorrendo com mais frequência em todo o mundo. Porém virtualizar um ambiente Exchange sem o devido planejamento, capacidade e dimensionamento pode acabar se tornando um grande problema ao invés de uma solução. Este e-book vai auxiliar neste processo.

Não deixem de ler, se trata de mais uma sugestão de leitura indispensável para quem trabalha com Virtualização e Cloud.

Cliquem aqui para ter acesso ao e-book.

turbonomicexchange

Exchange 2007- Visualização dos membros de uma Address List através do Exchange Management Shell

Olá pessoal,

exchangeps-logoapós um incidente em uma lista de endereços (Address List) no Exchange 2007 de um cliente, a mesma foi recriada e me foi solicitada uma lista com os membros pertencentes cujo procedimento eu descrevo abaixo.

Execute o Exchange Management Shell (All Programs – Microsoft Exchange Server 2007 – Exchange Management Shell)  e confirme o path da Address List através do comando, substituindo “INVENT-RJ” pelo nome correto.

Get-AddressList -Identity “INVENT-RJ” | fl DistinguishedName

Após a confirmação do path, para obter a lista com os membros desta AddressList execute o comando abaixo, usando como exemplo a lista “INVENT-RJ” e o domínio “invent.corp”

Get-Recipient -Filter {AddressListMembership -eq ‘CN=INVENT-RJ,CN=All Address Lists,CN=Address Lists Container,CN=First Organization,CN=Microsoft Exchange,CN=Services,CN=Configuration,DC=INVENT,DC=corp’}

Substitua com as informações da sua Address Lista e domínio corretos.

Até a próxima dica.

 

Exchange 2007/2010 – Verificando e limitando a cota para criação de regras no Outlook

Fui acionado nesta semana por um cliente que não estava conseguindo criar novas regras no Outlook 2010 sendo exibida a mensagem abaixo:

Outlook_Erro_Regras

Por padrão, no Exchange 2007/2010, estão disponíveis 64 KB por usuário para criação de regras, que pode ser expandido para até 256 KB.

Para verificar a cota atual para criação de regras em uma caixa postal, abra o Exchange Management Shell e execute:

Get-Mailbox paulo.santanna@inventit.com.br | FL displayname, rulesquota

Para definir 256 KB de cota para criação de regras para o e-mail paulo.santanna@inventit.com.br

set-mailbox paulo.santanna@inventit.com.br -rulesquota 256KB

Para obter uma lista com as cotas de todos os usuários para criação de regras, execute:

get-mailbox|fl rulesquota, alias

Caso o usuário tenha atingido o limite de cota (256 KB), a Microsoft recomenda alguns métodos, que envolve configurações no Outlook da máquina do usuário e que estão descritos no KB 886616.

Troubleshooting Exchange 2007 – Erro 451 4.4.0 Primary target ip address responded with: 421 4.2.1 Unable to connect

Seu cliente reporta que os e-mails enviados via Exchange corporativo não estão sendo entregues a destinatários externos, apenas internos. Primeiro passo, verificar as filas de e-mails (Exchange Management Console – Toolbox – Queue Viewer).

Verifique a fila correspondente aos e-mails de saída para Internet ou um domínio específico e verifique se o erro abaixo está sendo exibido.

451 4.4.0 endereço IP de destino Primária respondeu com: “421 4.2.1 Não é possível conectar

Em caso positivo será necessário identificar o próximo salto (hop), pois a causa raiz do incidente provavelmente está neste, que é o responsável pela entrega nas mensagens externas. Para isso vamos abrir o Exchange Management Shell (All Programs – Microsoft Exchange Server 2007).

Considerando que a empresa possui apenas um servidor hub transport, utilize o comando abaixo:

Get-Queue | FL Identity,LastError,MessageCount,NextHopDomain

Identifique na fila que está com problemas o host em NextHopDomain. Feito isso, são necessários testes de conectividade e resolução de nome como ping, nslookup. Se houver algum problema neste sentido, muito provavelmente a causa raiz do incidente está identificado. Se a conectividade e a resolução de nomes estiverem ok, vamos testar a conexão via telnet ao Servidor NextHop para confirmar se o mesmo está com problemas. Se chegamos a este ponto muito provavelmente a conexão não será realizada.

telnet servidor_nexthop 25

Se houver falha na conexão será exibida a mensagem abaixo.

Connecting To servidor_nexthop…Could not open connection to the host, on port 25: Connect failed

A partir daí verifique se o SMTP está operacional no servidor de destino (nexthop), se o Firewall nativo do Windows está bloqueando, se o seu provedor está online e também se o seu servidor Exchange caiu na lista negra.

Neste último caso a Microsoft disponibiliza o Microsoft Remote Connectivity Analyzer para realização de diversos testes de conectividade.

Msremoteconnectivityanalyser