Verificando a distribuição e versão do Linux via ssh

Olá pessoal,

Passei pela seguinte situação que compartilho com vocês. Acessei um servidor Linux remotamente via ssh e precisava saber a distribuição e versão (release) para poder realizar uma instalação correta de um agente.

Para obter o versionamento digite no shell:

cat /etc/*-release

Vejam abaixo o detalhamento do sistema operacional instalado neste servidor remoto:

Linux_Version

Espero ter ajudado! Bom trabalho para todos!

Problemas na desinstalação do Avast Antivírus

Olá pessoal,

Recentemente tive problemas na desinstalação do antivírus Avast em um PC com Windows de um cliente, através do método tradicional via painel de controle e não funcionou. Sabemos que existem diversas ferramentas para desinstalação de softwares, como por exemplo, o IObit Uninstaller ou Revo Uninstaller, porém o interessante é que a própria Avast disponibiliza uma ferramenta de desinstalação chamada avastclear.

avastclear

Fiz a tentativa nesta máquina que eu citei e funcionou bem, removeu o antivírus e apesar da ferramenta recomendar, não fiz via modo de segurança, pois estava acessando de forma remota. A utilização é muito simples e fica a dica de mais uma ferramenta bastante útil para todos os técnicos, analistas e consultores que acompanham este blog.

Aproveitem!

Maiores informações e download, clique aqui.

WinUtilities – Limpeza e manutenção de máquinas com Windows

Olá pessoal,

mais uma dica de ferramenta útil para nós que trabalhamos com suporte e consultoria de TI, desta vez mais especificamente para quem atua prestando manutenção preventiva e corretiva em PCs e Notebooks com Windows.

A ferramenta de hoje se chama WinUtilities e além de ser gratuita disponibiliza uma série de opções para otimizar e limpar PCs com sistema operacional Windows, corrigindo problemas de lentidão, removendo elementos indesejáveis como aplicativos, malwares, spywares, remover itens não necessários no registro, além de resquícios de softwares já removidos. O WinUtilities também tem um utilitário bem interessante que faz uma varredura nas partições e monta um relatório com a visão da utilização do espaço em disco pelas pastas e arquivos.

Sem dúvida alguma o WinUtilities deve fazer parte do kit de ferramentas de todo técnico/analista/consultor de suporte.

Download e informações aqui.

Kaspersky Lab: ransomware móvel triplicou significamente no primeiro trimestre de 2017

Brasil e Venezuela estão entre os 10 países mais visados por Trojans cifradores a nível mundial

kasperskylabO pesadelo global – ransomware – não mostra nenhum sinal de desaceleração, uma vez que o volume dele para dispositivos móveis subiu mais de três vezes (3,5 vezes) durante os primeiros meses do ano, de acordo com o “Desenvolvimento de ameaças de computador no primeiro trimestre de 2017” da Kaspersky Lab. O ransomware que tem como alvo todos os dispositivos, sistemas e redes também continuou a crescer com o surgimento de 11 novas famílias de cifras trojans e 55.679 novas modificações no primeiro trimestre. Além disso, Brasil e Venezuela estão entre os 10 países atacados por trojans cifradores, com o ransomware XPAN sendo a ameaça mais difundida.

O número de arquivos detectados de ransomware móvel atingiu 218,625 durante o trimestre, em comparação com 61,832 no trimestre anterior; com a família Congur representando mais de 86%.

O ransomware Congur é basicamente um bloqueador que configura e restabelece o PIN do dispositivo (código de acesso) fornecendo direitos de administrador no dispositivo e algumas variantes do malware para que os cibercriminosos aproveitem esses direitos para instalar seu módulo na pasta do sistema – tornando quase impossível a remoção.

Apesar da popularidade do Congur, o Trojan-Ransom.AndroidOS.Fusob.h permaneceu o ransomware móvel mais amplamente usado, representando quase 45% de todos os usuários atacados por esta ameaça. Uma vez executado, o Trojan solicita privilégios de administrador, coleta informações sobre o dispositivo, incluindo coordenadas GPS e histórico de chamadas, e carrega os dados em um servidor mal-intencionado. Com base no que ele recebe, o servidor pode enviar de volta um comando para bloquear o dispositivo.

Os Estados Unidos tornaram-se o país mais afetado por ransomware móvel no primeiro trimestre, com a Svpeng a ameaça mais generalizada. Por sua vez, o Brasil e a Venezuela estão entre os 10 países mais afetados por ataques de Trojans cofrados. Importante, o Brasil ficou em segundo lugar (1,07%), embora ele nunca apareceu no top 10 países atacados por cifras. Isto é consistente com nossa observação do aumento no número de extorsões Trojans visando vítimas brasileiras. Um exemplo proeminente de tal tipo de malware foi Xpan, cuja análise foi publicada no ano passado.
KASPERSKY_GEOGRAFIA_RANSOMWARE

“O panorama de ameaças móveis para ransomware estava longe de ser calmo no primeiro trimestre. O ransomware que alveja dispositivos móveis subiu, com as famílias novas do ransomware e as modificações que continuam a proliferar. As pessoas precisam ter em mente que os atacantes podem – e cada vez mais – tentarem bloquear o acesso a seus dados não apenas em um PC, mas também em seu dispositivo móvel”, observa Roman Unuchek, analista sênior de malware da Kaspersky Lab. Read more of this post

Review Gemini – Elimine arquivos duplicados no seu Mac OS

Olá pessoal,

Eu venho indicando algumas ferramentas para manutenção e otimização de equipamentos com o Mac OS e gravei um vídeo sobre o excelente Gemini da MacPaw, que faz uma varredura no equipamento em busca de arquivos duplicados o que possibilita uma otimização no espaço em disco do seu equipamento.

Vejam abaixo:

Para maiores informações e download, cliquem aqui.

Video – Acessando remotamente Mac OS através do Windows

Olá pessoal,

Já precisou realizar o acesso remoto a uma máquina com Mac OS a partir de uma outra que esteja com Windows? O procedimento é bem simples e rápido. Vejam abaixo no vídeo que eu gravei.

Backup de máquinas Windows com o Veeam Endpoint Backup FREE 1.5

Olá pessoal,

Quem acompanha a minha carreira, o meu trabalho, sabe que sempre atuei em ambientes de missão crítica, empresas grandes, datacenters enormes e sempre me questionei quanto à falta de opções/empresas/consultoria para o mercado de micro e pequenas empresas no Brasil. Devido a isso, já fazem alguns anos, eu venho atuando junto à este mercado chamado PME, desenvolvendo soluções e projetos, baseados na minha experiência no mercado de empresas de grande porte, mas com soluções realmente profissionais, adequadas e específicas para aquela empresa, seja de qual tamanho for, ou para aquele profissional liberal que depende do computador para trabalhar e desenvolver o seu negócio.

Pois bem, dentro desse pensamento, um dos principais itens, se não for o principal, que o Consultor de TI deve se atentar ao iniciar o atendimento a este tipo de cliente é a questão do backup e restauração de dados. Muitas das vezes a micro empresa possui apenas um computador e não duvidem, se trata de um cenário bastante comum, ainda mais com a proliferação de empresas do tipo Micro Empreendedor Individual (MEI). Muito provavelmente neste computador está a empresa como um todo, e-mails, arquivos, algum sistema de apoio, enfim, está tudo ali e perder esse equipamento seria uma catástrofe para este cliente.

Veeam Endpoint Backup 1.5 é uma solução simples porém completa, robusta, confiável e de fácil utilização e que vem auxiliar o consultor de ti neste tipo de cenário, não somente para micro e pequenas empresas bem como para clientes domésticos. Na minha opinião é uma solução indispensável para todo técnico, analista e consultor de TI e que pode ser uma grande oportunidade de negócio, pois você pode automatizar os backups e receber os e-mails de alerta a cada backup feito.

Querem saber o valor da ferramenta? Grátis! Sim, isso mesmo. A Veeam disponibiliza esta ferramenta gratuitamente.

veeamlogo

Neste post eu vou descrever o passo a passo da instalação, configuração e execução do backup de um desktop com Windows 10 utilizando o Veeam Endpoint Backup 1.5.

Cenários de utilização

  • Computadores e notebooks domésticos
  • Computadores e notebooks de profissionais liberais e pequenas empresas
  • Servidores em pequenas empresas

Requisitos de sistema para instalação 

CPU: Processador x86/x64
Memória: 2 GB de RAM
Disco rígido:150 MB de espaço livre em disco para a instalação do produto
SO: Versões de 32 e 64 bits de:
• Microsoft Windows 7 SP1 ou mais recente
• Microsoft Windows Server 2008 R2 SP1 ou mais recente

Modo de operação

Podemos agendar backups automáticos do sistema inteiro ou de pastas e volumes específicos baseados na necessidade. Também é possível executar backups completos autônomos de forma manual e pontual.

Os backups criados com o Veeam Endpoint Backup FREE podem ser salvos em um dos seguintes locais:

 

 

veeamendpointwindowsfree

Instalação

Primeiro, acesse o site do produto e faça o download. Descompacte o arquivo abaixado e execute o VeeamEndpointBackup_1.5.0.306

Abaixo vou demonstrar a sequência de instalação. Nesta primeira tela clique em “I agree..” e em Install

veeamendpointwindowsfree1

Na tela seguinte, o instalador já identifica que existe um drive USB conectado ao PC, no meu caso, um HD externo  SAMSUNG de 1 TB. Cuidado pois podem estar conectados HDs externos, pen drives e ou cartões de memória que se forem selecionados serão formatados. Muita atenção quanto a isso. O ideal é selecionar o local onde o backup será armazenado após a instalação ter sido finalizada, então clique em “Skip this…” e em Next.

VeeamEndpointWindowsFree2.png

Aguarde o processo de instalação e se tudo correr bem a tela abaixo será exibida. Agora precisamos criar uma mídia de recuperação do computador, que será utilizada para iniciar o PC no caso do Windows estar inoperante e ser necessária restauração de todo o sistema. Neste caso, eu vou utilizar o próprio HD externo de 1 TB onde o backup será armazenado como mídia de recuperação. Clique em “Run Veeam Recovery Media creation wizard” e em Finish.

VeeamEndpointWindowsFree3.png

Em Create Recovery Media, selecione o dispositivo que será configurado como mídia de recuperação. No meu caso, o HD externo de 1 TB (Unidade D:\) e clique em Next.

veeamendpointwindowsfree4

Será exibida a confirmação que o disco USB será formatado. Clique em Yes para prosseguir.

veeamendpointwindowsfree5

Em Ready to Apply, confirme que o disco USB correto está selecionado e clique em Create.

veeamendpointwindowsfree6

Aguarde o progresso de criação da mídia e clique em Finish.

veeamendpointwindowsfree7

Configuração do Backup

O Veeam Endpoint já está instalado e a mídia de recuperação criada, agora vamos configurar o backup do computador. Com o aplicativo aberto, clique em Configure Backup.

veeamendpointwindowsfree8

 

Em Backup Mode, três opções, Entire computer, ou seja o computador inteiro, que a própria ferramenta recomenda, Volume level backup, onde podemos selecionar um volume especifico (C:\, D:\, E:\…) e File level backup onde pastas e arquivos podem ser selecionados individualmente para backup. Após selecionar clique em Next. Neste exemplo selecionei a primeira opção.

veeamendpointwindowsfree9

Em Destination, defina onde o backup do computador será armazenado, as opções são Local storage (disco local), Shared folder (pasta compartilhada na rede) ou Veeam Backup & Replication repository, sendo que nesta última opção, esta solução deve estar implementada e o computador cujo backup está sendo configurado deve estar no mesmo segmento de rede que o servidor que mantém o repositório. Selecione uma das três opções e clique em Next. No meu exemplo, selecionei a primeira opção pois separei um HD de 1 TB citado anteriormente para isso.

VeeamEndpointWindowsFree10.png

Em Local Storage, selecione a unidade e o diretório onde o backup será armazenado. Note que o HD externo que eu havia selecionado foi formatado e está agora com uma unidade VEEAMRE (D:\) que é bootavel e a unidade F, para onde o backup será configurado. Será criado o diretório F:\VeeamBackup\. Após definir a unidade clique em Next.

veeamendpointwindowsfree12

veeamendpointwindowsfree11

Em Schedule, defina a periodicidade do Backup e também as configurações de evento e tempo de backup. Após isso clique em Save.

veeamendpointwindowsfree13

Em Summary, verifique as configurações definidas ao longo do wizard e clique em Finish. Por padrão, a opção “Run the job when I click Finish” vem marcada o que significa que o Backup será iniciado assim que o wizard for finalizado.

veeamendpointwindowsfree14

Backup sendo inicializado. Aguarde todo o processo.

veeamendpointwindowsfree15

Backup finalizado. O interessante é que depois que um backup completo inicial for concluído, o Veeam Endpoint Backup FREE realiza backups incrementais, copiando apenas os dados novos ou modificados desde o último backup realizado. Além disso com a a deduplicação e compactação integradas, o backup será otimizado tanto no tempo quanto na questão do espaço em disco.

veeamendpointwindowsfree16

Restauração de dados

Para restauração de dados a partir do Windows basta clicar no job de backup, por exemplo, na tela acima, clique em 1 hour ago e será exibida a tela abaixo. Em Restore point details, são exibidas as informações sobre o job e temos duas opções, Restore Files, para recuperação de arquivos e pastas individuais e Restore Volumes, para recuperação de unidade como C:\, D:\ e assim por diante. Selecione uma das duas opções e siga adiante.

veeamendpointwindowsfree17

Caso seja necessária a restauração completa do computador será necessário efetuar o boot através da mídia de recuperação. Este procedimento eu abordarei em um futuro próximo.

Review CleanMyPC – Ferramenta para otimização de equipamentos com Windows

Olá pessoal,

Mais uma indicação de ferramenta para otimização de PCs com Windows. Se trata do CleanMyPc da MacPaw, que é similar ao CleanMyMac, que faz a varredura no sistema em busca de componentes que possam ser removidos e desinstalados de forma a tornar o PC mais performático. Eu gravei um vídeo sobre a ferramenta e compartilho aqui com vocês.

Existe uma versão gratuita do CleanMyPC, porém para obter todas as funcionalidades deve ser ativada a licença.

Cliquem aqui para download e informações.

Kaspersky Lab prevê aumento de ataques a entidades financeiras e ransomware corporativo na América Latina em 2017

A Equipe de Pesquisa e Análise Global (GReAT) da Kaspersky Lab na América Latina divulgou suas previsões para o próximo ano, segundo as quais os ataques a instituições financeiras e o ransomware corporativo serão destaques na região em 2017. Os especialistas em segurança da Kaspersky Lab de toda a América Latina, utilizam sua experiência e conhecimento para elaborar essas previsões.

Onda de ataques a instituições financeiras
Do malware para caixas eletrônicos ou pontos de venda aos ataques contra a própria infraestrutura bancária, os especialistas da Kaspersky Lab preveem que os criminosos virtuais assumirão riscos maiores em suas campanhas maliciosas, esperando pacientemente pelo momento certo para atacar entidades financeiras e, assim, desviar grandes quantias dos bancos. Ameaças como o Carbanak ou os ataques ao sistema SWIFT foram notícia durante este ano. No entanto, a equipe de pesquisa da Kaspersky Lab acredita que esse seja apenas o início de uma onda de ataques contra o setor financeiro latino-americano realizada por criminosos locais com ligações no exterior.

Read more of this post

Review CleanMyMac 3 – Ferramenta essencial para otimização de equipamentos com Mac OS

Olá pessoal,

você possui um Mac ou trabalha com consultoria a equipamentos Apple com Mac OS instalado? Então não pode deixar de conhecer o indispensável CleanMyMac 3, um utilitário desenvolvido pela MacPaw que faz a varredura e limpeza de itens no sistema deixando o seu Mac com um desempenho aprimorado e com a manutenção em dia.

cleanmymac

Eu gravei um vídeo fazendo uma rápida demonstração desta ferramenta simples e que deve fazer parte do kit de todo Técnico/Consultor de TI que pode inclusive gerar oportunidades de negócios vendendo a ferramenta como parte do serviço de manutenção. Eu utilizei o meu MacBook Pro com o Mac OS Sierra 10.12.1 Vejam abaixo as especificações e o vídeo:

macossierra

O CleanMyMac 3 pode ser obtido de forma gratuita, porém para obter todas as funcionalidades será necessária a aquisição da licença.

Cliquem aqui para download e maiores informações.

Habilitando ou desabilitando o adaptador de rede no Windows utilizando o comando “wmic”

Olá pessoal,

como vocês sabem, este blog é o meu grande bloco de notas onde escrevo muito do que encontro em clientes e no trabalho diário como Consultor de TI. Pois bem, semana passada me deparei com uma situação em um cliente onde era necessário “automatizar” a tarefa de desabilitar e habilitar uma determinada interface de rede em uma máquina com Windows 10. Este procedimento funciona nas demais versões de Windows a partir do 7.

Vou demonstrar como se faz isso utilizando o comando “wmic” que é nativo do próprio sistema. Siga os passos abaixo:

1 – Abra o Prompt de comando em modo elevado.

2 – Execute o comando abaixo para listar todas as interfaces de rede existentes na máquina Windows onde o comando foi executado e verifique a numeração correspondente à interface em que serão feitas as operações na coluna Index.

wmic nic get name, index

Neste caso da imagem abaixo a interface que será desabilitada/habilitada será a número 1.

wmic1

Para desabilitar a interface de rede selecionada digite o comando abaixo:

wmic path win32_networkadapter where index=1 call disable

Notem que neste caso usei index=1 pois era a interface identificada anteriormente. Substitua pela interface que for identificada no equipamento que você estiver atuando.

Para habilitar a interface de rede digite o comando abaixo:

wmic path win32_networkadapter where index=1 call enable

Se for necessário automatizar coloque as duas linhas de comando acima em um arquivo *.bat ou *.cmd.

Setup do Windows não reconheceu disco SSD?

Olá pessoal,

Você comprou um disco SSD, o mesmo é exibido pela BIOS e ao tentar instalar o Windows neste novo disco este não é reconhecido pelo setup do sistema? Veja como proceder para resolver essa questão.

1 – Desconecte todo e qualquer disco que esteja na máquina deixando apenas o disco SSD onde o sistema será instalado.

2 – Inicia a instalação do sistema, selecione reparar e depois a opção para abrir o prompt de comando.

3 –  Com o prompt aberto digite “diskpart” e os comandos abaixo.

Diskpart > Select Disk 0
Diskpart > Clean
Diskpart > Create Partition Primary Align=1024
Diskpart > Format Quick FS=NTFS
Diskpart > List Partition
Diskpart > Active
Diskpart > Exit

4 – Reinicie seu computador e inicie a instalação do Windows novamente.

Papo de MVP #2 – Hardware Microsoft

Olá pessoal,

Neste segundo vídeo da série “Papo de MVP” meu amigo Alexandro Prado e eu conversamos sobre os diversos devices ofertados pela Microsoft. Assistam!

 

Desinstalando o Internet Explorer via linha de comando

Nesta semana precisei desinstalar remotamente o Internet Explorer no PC com Windows 7 de um cliente  e compartilho aqui com vocês as opções de desinstalação via linha de comando para as versões:

  • Internet Explorer 9
  • Internet Explorer 10
  • Internet Explorer 11

Antes de realizar o procedimento, feche as janelas do Internet Explorer que estiverem abertas e executem o Prompt de comando (cmd).

Para o Internet Explorer 9:

FORFILES /P %WINDIR%\servicing\Packages /M Microsoft-Windows-InternetExplorer-*9.*.mum /c “cmd /c echo Uninstalling package @fname && start /w pkgmgr /up:@fname /norestart”

Para o Internet Explorer 10:

FORFILES /P %WINDIR%\servicing\Packages /M Microsoft-Windows-InternetExplorer-*10.*.mum /c “cmd /c echo Uninstalling package @fname && start /w pkgmgr /up:@fname /norestart”

Para o Internet Explorer 11:

FORFILES /P %WINDIR%\servicing\Packages /M Microsoft-Windows-InternetExplorer-*11.*.mum /c “cmd /c echo Uninstalling package @fname && start /w pkgmgr /up:@fname /norestart”

Após a realização do procedimento reinicie o computador.

Entrevista Arilson Bastos – Autor do livro “Manutenção de Notebooks”

Há um tempo atrás tive acesso ao livro “Manutenção de Notebooks” escrito pelo Eng. Arilson Bastos, renomado profissional na área de engenharia e eletrônica, professor universitário e autor de diversos livros. Achei o livro bastante interessante e recomendável para aqueles que atuam na área técnica de TI, até mesmo pela falta de opções de literatura sobre o tema aqui no Brasil.

LIVRO_MANUTENCAO_NOTEBOOKS

 

Pois bem, entrei em contato com o autor e fiz uma rápida entrevista com ele. As respostas foram bem sucintas porém úteis. Vejam abaixo.

1 – Fale um pouco sobre o seu inicio na Informática e na atividade de manutenção de notebooks.

Trabalhei no centro de processamento de dados do exército (CPDEX) como oficial, com computadores de grande porte como Univac, Unisys e IBM. Eu implantei no CPDEX  a seção de manutenção de microcomputadores e depois de notebooks.

2 – Há 10 anos atrás comprar um notebook era privilégio de poucos, por fatores como preço e até mesmo cultura das pessoas e empresas. Hoje em dia a situação mudou, a compra de notebooks muitas das vezes precede a de um desktop. Você vê uma grande oportunidade de negócio para os técnicos especializados? Os grandes fabricantes suprem toda a necessidade do mercado?

Vim das gerações anteriores e hoje o técnico de informática tem futuro na manutenção de noitebooks.

3 – Pesquisas mostram que a venda de Tablets aumentam vertiginosamente no Brasil. Um técnico em manutenção de notebooks pode expandir sua atividade também para este tipo de equipamento? A manutenção é mais complicada?

Os tablets são os equipamentos de hoje, portanto é só se especializar que renderá lucro.

4 – Uma das grandes dificuldades do técnico que trabalha com manutenção de portáteis é com relação aos componentes e peças. Como proceder? Existem fornecedores recomendados?

O problema hoje é exatamente a reposição de componentes, pois existe uma diversificação muito grande de marcas no Brasil e é difícil adquiri-los.

5 – Quais suas recomendações para os leitores que desejam trabalhar com manutenção de notebooks e tablets?

Perseverança, sempre estudando.

 

 

 

Video: Review HWiNFO

Olá pessoal,

gravei um vídeo sobre a simples, excelente e útil ferramenta HWiNFO, indispensável para todo técnico e consultor de TI. Vejam abaixo.

 

Configurando conta Gmail no Outlook 2007

Olá pessoal,

Um cliente me ligou agora à tarde informando que havia criado um novo e-mail para um funcionário recém chegado e estava configurando esta conta (gmail empresarial) no Outlook mas que pedia credencias de autenticação nos servidores POP e SMTP a todo momento sendo que as configurações estavam idênticas as das outras máquinas da empresa e que inclusive já havia feito o acesso via webmail e havia funcionado, ou seja, não seria um problema de senha.

Outlook-gmail

Pois bem, realizei o acesso remoto e identifiquei que no notebook do novo funcionário estava instalado o Outlook 2007. Validei via webmail a senha que me foi passada e posteriormente realizei os seguintes passos:

1 – Ativei o Pop na conta de e-mail para que aplicativos como inclusive o Outlook possam ter acesso às mensagens. Acessem o procedimento em  https://support.google.com/mail/troubleshooter/6323470?hl=pt-BR

2 – O Outlook 2007, por ser obsoleto com relação até mesmo a questões de segurança, é considerado para o Google um “Aplicativo menos seguro” cujo recurso vem desabilitado por padrão em todas as contas Gmail. Foi necessário Ativar este recurso. Vejam o procedimento em https://support.google.com/accounts/answer/6010255?hl=pt-BR

Após isso o acesso à conta Gmail via Outlook 2007 funcionou.

Vejam aqui procedimento para configuração de uma conta Google no Outlook.

Até a próxima!

AnyToISO – Simples e útil para todos

Olá pessoal,

Hoje passo para vocês uma dica de utilitário gratuito e bastante simples porém muito útil para todos nós consultores de TI. Se trata do AnyToISO Lite, da CrystalIDEA e atualmente na versão 3.7.1, que possibilita a manipulação de arquivos com extensão *.iso em tarefas como extração e conversão de arquivos com as extensões NRG, MDF, UIF, DMG, ISZ, BIN, DAA, PDI, CDI, IMG, ZIP, RAR, 7Z, TAR.GZ, TAR.BZ2 bem como a criação de arquivos .iso a partir de discos CD/DVD/Blu-ray disks e arquivos e pastas.

AnyToISOLite

Disponível para as plataformas Windows e Mac OS X.

Maiores informações e download aqui.

Podcast 24 – Novo livro de Redes do Gabriel Torres

Neste Podcast, bati um papo rápido com o grande Gabriel Torres, Editor do site Clube do Hardware e autor de 24 livros e um dos maiores especialistas em Informática no Brasil, sobre do seu mais novo livro “Redes de Computadores – Versão Revisada e Atualizada” lançado em Maio deste ano pela Editora Nova Terra.

Sem duvida alguma mais um livro do Gabriel que deve fazer parte da biblioteca técnica de todo profissional de Informática. Não deixem de ouvir o podcast e também comprar o livro.

 

 

 

Logmein Client – Incidente na instalação em máquinas com Windows XP

Um cliente reativou um computador bem antigo com Windows XP Professional e me acionou pois precisava de suporte.

Verifiquei que o equipamento estava sem o Cliente do Logmein, ferramenta que utilizo para prestar Consultoria. Como alternativa, solicitei que executasse o TeamViewer para que pudesse entrar e instalar então o Logmein.

Pois bem, acessei o equipamento via TeamViewer e ao iniciar a instalação do Logmein a tela abaixo foi exibida. A versão atual do Client é a 4132.

logmein0

 

Pesquisando no fórum da Logmein descobri que os clientes atuais não possuem compatibilidade com processadores desenvolvidos há mais de 10 anos e não possuem arquitetura e suporte a instruções SSE2.

Como o parque de máquinas com Windows XP ainda é bem grande, mesmo com o fim do suporte anunciado pela Microsoft, a Logmein decidiu manter um client Legacy (versão 2700) que não vai sofrer atualizações, mas vai funcionar em máquinas com Hardware obsoleto.  O download pode ser feito em https://secure.logmein.com/LMI4012700nh.msi

logmein1
Instalei esta versão 2700 e funcionou sem problemas.

logmein2